Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Banda Kruviana lança clipes musicais nesta quinta-feira no cinema do CAF/UFRR

Publicado: Quarta, 05 de Junho de 2019, 15h48 | Última atualização em Quarta, 05 de Junho de 2019, 16h28

Os integrantes da banda Kruviana vão lançar os clipes das músicas Mente Aberta e Amanhecer, nesta quinta-feira (06), às 18h, no Centro Amazônico de Fronteiras (CAF) da Universidade Federal de Roraima (UFRR) durante programação cultural.

                           Foto: Divulgação UFRR 

Mente Aberta é um manifesto elaborado em ritmo de reggae pelos próprios estudantes com letras que falam sobre o enfrentamento ao preconceito, a valorização da cultura e da tradição indígena, além de posicionar os indígenas na conquista de seus direitos previstos na Constituição Brasileira.

O clipe tem a participação do grupo de dança Parixara da comunidade indígena Raposa 1, composto por adultos e crianças. As locações escolhidas foram as serras e lagos da comunidade Raposa e o lago do Caracaranã, ambos locais pertencentes à Terra Indígenas Raposa Serra do Sol, município de Normandia (RR).

Já a música Amanhecer, em ritmo de pop rock, fala das belezas naturais, da relação saudável dos indígenas com a natureza e de lugares importantes para os povos tradicionais do extremo norte. O lugar escolhido pela equipe de produção foi o Tepequém e seus platôs, assim como as paisagens da vila do Paiva, localidade do município de Amajari (RR). A banda começou a produção fílmica em dezembro do ano passado, com apoio de servidores da TV Universitária, voluntários e profissionais do audiovisual.

A programação cultural é aberta ao público e conta com intervenções artísticas, como a performance do artista plástico Jaider Esbell, degustação de culinária regional e apresentação musical com convidados, como Eliakim Rufino, Neuber Uchôa e a banda.

                       Foto: Márcio Peixoto (Under Age Marketing)

Programa - A Kruviana é parte integrante do programa de extensão universitária da UFRR intitulado Insikiran Anna Eserenka, que prevê a valorização da arte indígena por meio da música na perspectiva intercultural, assim como faz estudos sobre as danças, rituais, línguas e cantos tradicionais dos povos indígenas da região.

                            Foto: Pedro Alencar (RTU/UFRR)

Criada há cinco anos na UFRR, a banda está sob coordenação da professora Ise Goreth, docente vinculada ao Instituto Insikiran de Formação Superior Indígena, no qual boa parte dos integrantes também faz parte. Os integrantes são selecionados por meio de edital e recebem bolsas da Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis e Extensão (PRAE/UFRR).

“Temos trabalhado para fortalecer a imagem dos povos indígenas e sua cultura. Realizamos várias reuniões para construir o roteiro, organizar a produção e escolher as locações das gravações, além de ensaios para consolidar a performance”, explica professora Goreth.

O grupo tem o apoio da Reitoria da UFRR, Instituto Insikiran de Educação Superior Indígena, Pró-reitoria de Assuntos Estudantis e Extensão (PRAE/UFRR), Prefeitura Universitária, Coordenadoria de Comunicação da UFRR (Coordcom), Rádio e TV Universitária (RTU), Under Age Marketing e Publicidade (Márcio Peixoto), Studio 4 (Kléber Gomes), Jacir Souza Filho e das lideranças do povo da comunidade Raposa.

Outras informações na fanpage da banda: https://www.facebook.com/cruviana.annaeserenka.9 ou pelo telefone (95) 98122.7377 (professora Ise Goreth). 

 

 

registrado em:
Fim do conteúdo da página