Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Últimas Notícias > UFRR reduz ocorrências de crimes em 50% no campus Paricarana
Início do conteúdo da página

UFRR reduz ocorrências de crimes em 50% no campus Paricarana

Publicado: Sexta, 09 de Junho de 2017, 14h42 | Última atualização em Sexta, 09 de Junho de 2017, 15h56

De acordo com a Coordenação de Segurança da Universidade Federal de Roraima (UFRR) nos primeiros cinco meses deste ano foram registradas 13 ocorrências. No mesmo período do ano passado, foram 28 casos, o que demonstra cerca de 50% de redução no índice de criminalidade no campus Paricarana.

As principais ocorrências são pequenos delitos, como furtos de objetos pessoais. Entre os casos, 75% foram identificados e encaminhados para os órgãos competentes que logo foram solucionados.

O coordenador de Segurança da UFRR, Wilson Soler explica que a diminuição do índice de criminalidade é resultado do intenso trabalho da equipe que, desde o ano passado, promove ações de prevenção em parceria com a Polícia Militar, Civil e Federal, que continuam o trabalho.

“Nosso trabalho é incluir o monitoramento através das câmeras, a restrição de acesso da população depois do horário de funcionamento da Universidade e, principalmente, a prevenção, com visitas nas salas de aulas para repassar orientações sobre segurança à comunidade acadêmica”, explicou.

A Coordenação de Segurança tem a responsabilidade de prevenir e reduzir perdas patrimoniais, mas acaba atendendo a comunidade acadêmica na parte de orientação e aciona as Polícias para apuração quando necessário. A Universidade conta com o serviço de segurança (vigilância armada) 24 horas. No campus Paricarana são 18 vigilantes armados e 12 vigilantes auxiliares que atuam em oito postos de segurança nas entradas e saídas do campus, biblioteca, reitoria e outros lugares.

 

Diariamente, a coordenação realiza a ronda itinerante com uma viatura dentro do campus nos turnos manhã, tarde e noite. Quando surge uma ocorrência, ocorre a ronda extraordinária e a equipe se desloca para apurar a situação o quanto antes. Além disso, a UFRR possui 200 câmeras instaladas com monitoramento 24 horas. O coordenador explica que a ronda e o monitoramento das câmeras ajudam coibir 50% da prática de crimes ou situações adversas.

As imagens ajudam na apuração dos fatos e são fornecidas quando a vítima registra um boletim de ocorrência na delegacia, que solicita formalmente o material.

Os campi Murupu e Cauamé, cada um, possuem três vigilantes, o quantitativo é ideal por conta dos poucos índices de criminalidade devido à localização geográfica. Em 2016, o campus Cauamé registrou uma ocorrência de furto, no campus Murupu foram duas.

Soler explica que 70% do fluxo de pessoas no campus Paricarana corresponde a comunidade externa e apenas 30% são alunos, professores e servidores. Para controlar o movimento de veículos, o campus é aberto à população das 6h até as 22h. Após esse período o acesso fica restrito e as pessoas que desejam entrar deverão se identificar na guarita. Aos sábados as passagens ficam abertas até as 14h.

Apesar de toda a segurança, o coordenador de Segurança da UFRR orienta que a comunidade acadêmica evite ficar na instituição depois das 22h, horário considerado perigoso e arriscado devido ao pouco movimento.

Para lidar também com os eventos na UFRR, a coordenação cobra exigências dos organizadores como a disposição de uma equipe de segurança, ambulância e a proibição de bebidas alcoólicas. Caso o organizador não concorde ou não atenda as exigências, assina um documento se responsabilizando por todas as consequências que possam ocorrer no evento.

Para ampliar ainda mais o sistema de segurança, o coordenador realizou uma visita técnica, no mês de julho, à Universidade Federal do Pará, onde a Coordenação de Segurança trabalha em parceria com a Polícia Militar do Estado. A UFPA conta com uma base de segurança da PM para atender a população acadêmica, facilitando a apuração dos fatos o registro do boletim de ocorrência, instalada ao lado do portão de acesso a UFPA.

Dicas de segurança.

-Ao sair de seu local de trabalho/estudo fechar as portas, e principalmente à noite, quando retornar às suas residências.

-Agir da mesma maneira em relação aos laboratórios ou outros setores de uso comum.

- Evitar ir ao caixa eletrônico à noite, se tiver algum movimento estranho, desconfie e acione a Coordenação de Segurança da UFRR pelo telefone 3621-3133.

- Evite estacionar o carro em lugares inapropriados com pouca iluminação e movimento. Objetos de valor como bolsas, carteira e celular não devem ficar à vista, porque atraem a atenção. Coloque tais objetos  em lugares mais seguros como porta-luvas, porta-malas ou embaixo do painel.

- Se notar algum suspeito circulando no campus, comunicar a Coordenação de Segurança da UFRR. (o usuário é quem mais conhece o setor, pessoas estranhas.

- Prestar atenção nos objetos pessoais ao deixar em balcões e mesas em lugares como bibliotecas, salas, restaurante, banheiros e lanchonetes.

registrado em:
Fim do conteúdo da página