linha top1
Universidade Federal de Roraima

Vestígios

 

Os vestígios são evidências da existência dos organismos ou de suas atividades. Dentre os vestígios, podemos citar as pegadas e pistas de organismos, coprólitos (fezes fossilizadas), gastrólitos (rochas presentes em restos estomacais, que auxiliavam na digestão), e ovos de dinossauros (Fig. 1).
 


Figura 1: A – Coprólito de tubarão do Permiano Superior do Rio Grande do Sul (UFRGS); B – Ovos de dinossauros.

 

 

Bibliografia Consultada:
CASSAB, R.C.T. Objetivos e Princípios. In: Carvalho, I.S. (ed). Paleontologia. Vol 1. Rio de Janeiro: Interciência, 2004.
MENDES, J. C. Paleontologia Básica. Queiroz: Editora da Universidade de São Paulo, 1988.

Referências Eletrônicas:
http://www.ufrgs.br/paleodigital/, acessado em 01 de dezembro de 2012 às 13h.

Referências Eletrônicas das figuras:
Figura 1: http://www.ufrgs.br/paleodigital/, acessado em 01 de dezembro de 2012 às 13h.