Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Educação Indígena - Lançamento do Programa de Capacitação dos Waimiri Atroari

Publicado: Sexta, 12 de Abril de 2019, 18h03 | Acessos: 290

Na manhã do dia 23 de abril, no Núcleo de Apoio Waimiri Atroari, será lançado o “Programa Capacitação dos Waimiri Atroari”, uma parceria entre Universidade Federal de Roraima, por meio do Instituto de Antropologia e Associação Comunidade Waimiri Atroari.

O Programa vem a somar com o Sistema de Educação Escolarizada Waimiri Atroari, elaborado e executado pela Associação da comunidade desde a década de 80.

A proposta é capacitar os indígenas Waimiri Atroari em diversas áreas do conhecimento para atuarem na educação, saúde, vigilância, segurança e direitos indígenas. Cinco grupos específicos irão participar: professores, agentes ambientais, agentes de saúde, laboratoristas e lideranças Kinja.

 A Associação, já atuante na área da alfabetização na língua materna, apresentou também para a UFRR a necessidade de ofertar cursos voltados para a linguística, didática e produção de materiais. O Programa foi criado a partir desta demanda apresentada.

As aulas/módulos serão ministradas presencialmente na Terra Indígena Waimiri Atroari, nos eixos Rio e Estrada (Posto Indígena Curiau e Núcleo de Apoio Waimiri Atroari). As atividades serão gravadas para que, posteriormente, todos possam assistir e discutir sobre os assuntos.

As aulas/módulos foram organizadas em áreas do conhecimento; podendo ser adequadas conforme as necessidades apresentadas pelos Waimiri Atroari. A meta é desenvolver o projeto da forma mais participativa possível e considerando sempre a noção de interculturalidade crítica.

O coordenador geral do Programa, professor Carlos Alberto Cirino, ressalta que a troca de conhecimentos a ser proporcionada durante a ação traz aspectos positivos para os indígenas e a Universidade. “A articulação com o fazer antropológico e o ensino da antropologia se dá a partir dos procedimentos metodológicos, alguns já propostos pela comunidade e que já apresentam ferramentas antropológicas na forma de uma educação voltada para diversidade cultural. A grande relevância acadêmica é também envolver profissionais num novo desafio, trabalhar com comunidade indígena”.

A previsão é que as aulas do Programa iniciem ainda nesse semestre, conforme o cronograma.

registrado em:
Fim do conteúdo da página